A verdade sobre a produtividade

Técnicas para melhorar sua produtividade estão por toda parte, mas elas só funcionam se você souber exatamente para onde está indo, tiver certeza de que é pra lá mesmo que deseja ir, e tiver o mapa correto em mãos. Do contrário, técnicas de produtividade só otimizam sua perda de tempo, levando-o a “chegar mais rápido ao lugar errado” ou tornam uma rotina ineficaz mais sofisticada.

A produtividade é o topo de uma pirâmide. É preciso todo um esforço de autoconhecimento e estabelecimento de objetivos, metas, e planos antes de começar a aplicar técnicas para melhorar a utilização do tempo.

“Se a escada não estiver apoiada na parede correta, cada degrau que subimos é um passo a mais para um lugar equivocado” ~~ Stephen Covey

Muita gente busca dicas para melhorar a administração do tempo, para parar de procrastinar, para ter mais motivação e persistência. Mas para que tudo isso?

Essa pergunta pode até parecer sem sentido! Afinal de contas, as pessoas buscam essas soluções para darem conta da vida, para conseguirem equilibrar vida, família e lazer, enfim, as pessoas sabem pra que precisam de mais produtividade. Mas será mesmo que sabem?

A eficácia e eficiência, ou seja, o resultado prático da maior produtividade, só são benéficas se elas o ajudarem a concretizar o que realmente faz diferença positiva em sua vida. Ser mais produtivo naquilo que não te leva a crescer, seja como pessoa ou como profissional, ou te leva a lugares que lhe causarão frustração e decepção não faz muito sentido, não é mesmo?

O irônico é que a grande maioria das pessoas faz exatamente isso!

Correm, correm, correm e não chegam a lugar algum… ou às vezes até chegam… e se decepcionam. Pra que ser mais produtivo para fazer um trabalho que você odeia? Pra que ser capaz de controlar a procrastinação para dar conta de que fazer coisas que você não precisa, na realidade, fazer? Pra que se motivar para dar o maior gás e atingir as metas de uma empresa com a qual você nem se importa?

Dentro dessa problemática temos uma série de questões que precisam ser avaliadas com critério e reflexão:

– Será que o que “achamos” que queremos da vida é realmente o que precisamos?

– Será que essas coisas que desejamos e “achamos” que queremos realmente vão nos trazer o que esperamos que elas tragam para nossas vidas?

– Qual o propósito de tudo isso o que estamos trabalhando tão arduamente para conquistar ou realizar?

– Essas metas que desejamos alcançar combinam com a nossa personalidade ou estamos tentando ser o que não somos?

– Temos completo conhecimento de como funciona o caminho das pedras para chegar em nossas metas?

Cada uma dessas perguntas aborda uma questão diferente. Precisamos nos atentar para todos esses detalhes se queremos pegar técnicas de produtividade e fazê-las trabalhar a nosso favor e não apenas tornar a nossa estagnação mais sofisticada ou nos levar mais rápido ao lugar errado.

Assista o vídeo e me diga se você concorda com minhas colocações. Você vê a produtividade da mesma forma? Se tiver perguntas, críticas ou comentários, não deixe de participar da discussão, aqui ou no YouTube.

Print Friendly, PDF & Email
Compartilhe!
Cadastre-se gratuitamente no Guia da Vida e tenha acesso a nosso melhor material sobre desenvolvimento pessoal, produtividade, saúde mental e motivação:


3 comentários em “A verdade sobre a produtividade”

  1. Muito pertinentes as observações. Eu confesso que sou um que nunca tinha parado para pensar que simplesmente tentar ser mais produtivo sem me atentar para essas coisas que “vem antes”. Passei muitos anos da minha vida trabalhando que nem um cavalo e sendo super produtivo para fazer o chefe feliz, ganhar um bonuzinho no final do ano e depois ver gente mais jovem e com menos tempo de empresa sendo promovido na minha frente. O melhor dia da minha vida foi o dia que pedi demissão para abrir meu próprio negócio e seguir as metas que eu realmente quero. Sou muito mais feliz.

    Responder
  2. Prezada Franciane, Meu nome é Ricardo Lezana e sou consultor, palestrante e instrutor. Admiro e acompanho todos os conteúdos que você disponibiliza, tanto vídeos quanto posts, desde que você tratava, basicamente, de Planejamento Estratégico Pessoal. Nesta nova etapa da sua brilhante carreira, na qual você ampliou o loque dos assuntos que aborda, é extremamente visível um aumento muito significativo da qualidade de seus conteúdos e, consequentemente, do valor que você agrega a todos seus seguidores, entre os quais me incluo. Por esta razão, receba nossos parabéns, além de nossos votos de pleno sucesso e grandes realizações. Como seu fã e seguidor tenho apenas uma singela sugestão a lhe fazer. Acredito que seria muito bom que você pudesse incluir alguns momentos de maior descontração nos seus vídeos, o que poderia incluir, por exemplo, coisas tão simples como alguns sorrisos a mais, de forma a eliminar qualquer eventual sensação de timidez ou de tristeza, o que, na minha modesta opinião, agradaria o seu público, sem diminuir em nada a seriedade e importância dos temas abordados.

    Responder
    • Olá Ricardo,

      Obrigado pelo feedback! Acredito que será uma curva de aprendizagem até eu me sentir confortável na frente das câmeras! Nunca fiz nada em vídeo antes. Sou uma nerd, passei a vida estudando e escrevendo! rsrsrs

      Abraços,

      Fran

      Responder

Deixe um comentário