A hora é agora: Pare de apertar o botão de “soneca” na sua vida

Carolyn Rubenstein

Quando durmo, sou o que se pode chamar de “entocada”. Deito na cama e me afundo em uma montanha de lençóis, cobertores e um edredom pesado e, uma vez confortável, aciono meu modo de sono máximo entocando-me em uns cinco travesseiros. Eu adoro uma boa noite de sono. E não há nada pior que o momento em que o despertador toca às 5h30 da manhã. É um despertador esganiçado, agudo e medonho. Poderia acordar até os mortos. Foi por isso que eu o comprei.

Veja, eu odiava me levantar. Especialmente no inverno. Minha cama é tão quentinha e nossa casa de campo de 200 anos de idade é tão fria… Mas eu me levanto mesmo assim porque sei quanto levantar cedo impacta minha vida. Eu jogo longe todas as cobertas, ponho meus pés no chão e atravesso o quarto correndo para desligar o esganiçado despertador, que fica “estrategicamente” localizado do outro lado do quarto. Há um poder enorme em começar seu dia com esta filosofia: no segundo em que seus pés tocam o chão, seu dia começa. Mas eu nem sempre fui assim.

A hora de começar meu dia era “daqui a alguns minutinhos”. Eu adorava dormir mais do que adorava começar meu dia. É por isso que meu despertador ficava logo ao lado da cama. Quando tocava, eu conseguia alcançá-lo de debaixo das cobertas e desligá-lo. Eu repetia esse ritual três ou quatro vezes. Quando eu finalmente jogava as cobertas de lado, eu já começava meu dia correndo. Eu gastava meus primeiros 75 minutos do dia postergando meu compromisso de levantar cedo.

Se eu levantasse às 5h30, eu estaria de pé antes de todo mundo. Eu poderia ter me exercitado, ter escrito, ter preparado o café da manhã. Eu poderia ter meu dia sob controle antes que o caos o atingisse. Mas, dia após dia, eu dei a mim mesma mais tempo na cama e, assim, caí numa mentira contínua.

A maneira com que você acorda é que vai ditar o tom do resto do seu dia. Tente isto: programa seu despertador para 5h30 amanhã. Quando ele tocar, ponha seus pés no chão, levante-se e saia da cama. Sem atrasos. Sem hesitações. Levante-se e comece seu dia. É mais difícil do que você pensa. Seu corpo estará gritando para que você volte para a cama, perca mais tempo. Mas não caia nessa. Ao invés disso, levante-se.

O que aprendi com essa filosofia simples é: quando se trata de ser o mestre de sua própria vida, você nunca vai sentir vontade de fazer o que precisa ser feito. Parecerá errado pedir ajuda. Você sentirá medo de fazer aquela apresentação no trabalho. Você não vão querer ir correr se estiver chovendo lá fora. Sair da cama pode parecer extremamente radical simplesmente porque você não quer. Mas você precisa. Faça-o, mesmo que pareça radical no momento. Esta é a habilidade que você precisa ter: tomar atitudes radicais.

A vida é como estar deitado na cama: é mais fácil apertar o botão de “soneca” adiar as coisas. Sempre que tenho vontade de apertar o “soneca”, faço o oposto. Passo por cima de minhas próprias desculpas e ponho meus pés no chão.

Print Friendly, PDF & Email
Compartilhe!
Cadastre-se gratuitamente no Guia da Vida e tenha acesso a nosso melhor material sobre desenvolvimento pessoal, produtividade, saúde mental e motivação:


21 comentários em “A hora é agora: Pare de apertar o botão de “soneca” na sua vida”

  1. ESPETACULAR!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    FANTÁSTICO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    EXCELENTE!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Eu sabia que por traz de tanto sucesso tinha que ter pequenos detalhes para fazer a grande diferença.

    Parabéns Mel Robbins, sua sensível observação e clareza em nos transmitir “o pulo do gato” em relação ao sucesso, torna mais dinâmica e objetiva nossa jornada.

    Ganhei o dia hoje!!!

    Responder
  2. Bom dia

    Mel Robbins

    Parabéns

    Otima mensagem, além da importancia do assunto é tratada de forma inteligente, transformando orientação em diálogo inteligente, permitindo quem esta tratando ou relatando se passa como um ser normal, que também sofre ou age de maneira como todos, proporcionando estabelecer um canal pontual de comunicação, posso afirmar muito sábio.

    Espero poder continuar usufruindo dessas oportunidades

    Franklin Martins Neto

    Responder
  3. Usar a força de vontade para superar seus obstáculos é uma forma, mas há uma grande diferença entre saber o que precisa ser feito e fazer o que precisa ser feito.
    Tomar consciência do que precisa ser feito faz parte do processo de mudança, mas não é suficiente, como a própria autora comentou acima.
    Usar a força de vontade exige esforço, implica em fazer o que não gostamos e por não ser um processo natural, acabamos nos afastando dele.
    Muito mais eficiente é identificar o que está te impedindo de fazer o que quer e eliminar estas resistências. Há técnicas para isto. Hipnose e EFT (Técnica de liberação emocional) são excelentes para esta finalidade.

    Responder
      • Oi Joaquim.
        EFT é uma versão modificada da acupuntura, que não utiliza agulhas. Utilizamos os mesmos pontos (meridianos de energia) da acupuntura, porém a estimulação é feita com pequenas batidas dos dedos. EFT vai além da acupuntura, pois utiliza a linguagem para acessar emoções, assim podemos trabalhar as causas emocionais que originam os problemas. Há muita informação básica na Internet, basta você procurar por EFT.

        Responder
  4. Isso é muito bom até os 40, 45 anos.. até para que aos 60 você dispense o tal despertador horrendo… rsssss
    Aí são outros tempos, como o outono e o inverno.. de ficar mais descansado e vendo a inutilidade da correria.. tudo tem um tempo, e esse artigo me lembrou muito minha forma de encarar a vida até os 45 anos, mais ou menos, quando então a calma tomou o seu lugar. Essa atitude descrita no arquivo é próprio de alguém que está VIVO, e essa disposição de encarar o dia a dia é fundamental para que você se sinta realmente VIVO.

    Responder
  5. Penso que o artigo é muito util, a cama é uma tentação,
    e realmente se a gente não pular da cama vc vai ficando minutos amais ai o tempo passa, depois tudo se atrasa.
    otimo parabens…

    Responder
  6. Gosto muito deste artigo, realmente a dificuldade que temos de fazer o que precisa ser feito, é o que nos impede de sermos produtivos e eficazes. Com certeza eu quero ter cada dia mais consciência que eu sou o mestre da minha vida, determinando os resultados que ela apresenta, sem disfarces! Melhores cumprimentos!

    Responder
  7. Parece que me ouvi falando. Estou vivendo a mesma situação. Já atingi o exito algumas vezes e falhei por outras, mas sigo nesta estratégia pq sei que é possivel obter o exito constante! heheh 😀

    Responder
  8. EXCELENTE!!!COMO MORO NUMA CIDADE DE TEMPERATURA AMENA GERALMENTE ACORDO MUITO BEM,MAS QUANDO ESTÁ UM POUCO FRIO RETARDO MEU DESPERTAR,SOU ACOSTUMADA A ACORDAR 5:30 JÁ SOU CONDICIONADA, MAS , É IMPORTANTE SEMPRE NÃO TER RECEIO DO NOVO ,E UM DIA É SEMPRE NOVO O QUE É MUIIITO BOMMM!!!!! QUE VENHA O NOVO SEMPRE!!!!

    Responder
  9. Ás 5:30, me deixou meio assustada,mas valeu a dica. Sempre levanto às 6:30, por comprometimento e já acordo cansada, deito muito tarde. No Rio Grande do Sul é muito frio nesta época e me vejo congelar numa hora destas contudo o verão está chegando por isso já estou me planejando para começar esta experiência. Gostei desta mensagem…Valeu, obrigada

    Responder
  10. Para as duas últimas comentaristas:

    Não sei se vocês não entenderam bem, mas a autora não está propondo que todo mundo deva acordar às 5:30 da manhã! Esse é apenas um exemplo relacionado à experiência pessoal dela e não tem nada a ver com acordar cedo especificamente!

    No caso dela específico, ela tinha uma dificuldade para acordar cedo e definiu como desafio a meta de acordar todo dia às 5:30… mas o X da questão, a “moral da história” é que nós temos que nos forçar a fazer as coisas que não gostamos ou não queremos e esse é o segredo do sucesso, seja acordar cedo ou dar conta de fazer todas as atividades diárias sem procrastinar.

    Maria Cristina

    Responder
  11. Muito boa a mensagem, clara,fácil de entender e de transportar para vários sentidos em nossa vida!

    li que voce é expert em ajudar as pessoas conseguirem o que querem, preciso da sua ajuda!

    Trabalho a alguns anos em uma empresa e estou estagnada, é uma boa empresa mas como é uma empresa de pequeno porte não tenho como crescer, estou sempre procurando me atualizar,adoro estudar!.No mercado de trabalho as coisas estão dificeis, e assim o tempo vai passando e eu continuo na empresa.
    Preciso mudar de trabalho, estou muito angustiada pois gostaria de ter oportunidade para crescer dentro da empresa. Me de uma dica, o que devo fazer p/ começar a mudar esta situação ?

    grata!!!

    Abraços!!

    Responder
  12. Muito bom. Na verdade eu acordo antes, às 05h00min. E como eu acordo cedo, sou obrigado a dormir cedo também, porque o sono vem antes.
    Creio que o “pulo do gato” é começar de onde você está e fazer o que os autores sugerem. Acordar cedo e planejar a vida. Isto, já um bom começo. Abçs. Alexandre

    Responder
  13. FANTASTICO MARAVILHOSO…TENTADOR…

    PARABENS ESTE FOI O ARTIGO QUE EU MAIS ADOREIII…
    AMANHÃ MESMO VOU FAZER O TESTE DO DESPERTADOR E ME COMPROMETO A ME LEVANTAR AS 5H30, POIS A “SONECA” QUE ERA ROTINA NAS MINHAS MANHÃS FICARA PARA TRAS..

    Responder

Deixe um comentário