Como aproveitar melhor as oportunidades?

Franciane Ulaf

Aproveitar as oportunidades

Os mais diversos clichês cercam esse assunto de mitos e expectativas irreais. Oportunidade é algo retratado na mídia, na literatura e no cinema como fantasioso, grandioso, cheio de pompa e certamente identificável à primeira vista.

Guardadas as devidas proporções, os clichês que envolvem as “oportunidades” são similares àqueles que cercam assuntos como casamento e sucesso. Manutenção de expectativas irreais é a consequência mais imediata da enxurrada de mitos e meias verdades que crescemos ouvindo sobre esses assuntos.

O mito mais ferrenho é a crença de que uma oportunidade é algo grandioso e perceptível à primeira vista. Logo, você acredita que veria imediatamente uma oportunidade se uma aparecesse em sua vida. Como você pode não perceber algo tão grandioso quanto uma oportunidade?

Essa crença infundada leva muita gente a ignorar centenas de oportunidades, enquanto ficam esperando por algo cinematográfico que pode jamais acontecer em suas vidas.

Essa crença também é reforçada por outro problema: a criação de expectativas específicas. A pessoa deu nome e cara para sua oportunidade e a envolveu em uma fantasia exata e calculada sobre como a oportunidade é, como ela aparecerá e como as coisas irão se desenrolar. Se as coisas não ocorrem exatamente como em suas fantasias, a pessoa cai fora.

Esse hábito é muito comum em relacionamentos amorosos. Algumas pessoas criam tantas fantasias específicas e detalhadas sobre como seus pares perfeitos devem ser e como será o relacionamento com essa pessoa perfeita, que muitas oportunidades de relacionamentos positivos passam e a pessoa nem percebe.

Outro mito perigoso é que as oportunidades devem “aparecer” como num filme de Hollywood. Você está quietinho vivendo sua vida pacata quando de repente algo acontece e muda tudo da água pro vinho. A pessoa que acredita nesse mito nada faz para melhorar ou mudar sua vida. São essas pessoas que vivem sob os mantras do “o que é meu está guardado”, “vai chegar a minha vez”, “tudo tem sua hora”. Esses clichês mantêm pessoas com ótimo potencial e motivação muito aquém de suas possibilidades, tudo porque suas crenças fazem com que elas prefiram esperar ao invés de agir.

Você já ouviu o termo “cavar oportunidades”? Muita gente bem sucedida atribui seu sucesso à capacidade de, ao invés de esperar que uma oportunidade caia do céu, tomar atitudes e criar suas próprias oportunidades.

Mas não poderíamos fechar esse artigo sem mencionar a mais sorrateira armadilha que envolve o tema oportunidades: a indecisão. Encontrar (ou criar) oportunidades pode ser um problema para algumas pessoas, porém, decidir entre uma ou mais oportunidades pode ser um problema até mais sério para outras pessoas, pois tem o poder de paralisá-las e jogá-las ainda mais fundo numa condição de inércia.

O medo de fazer escolhas está no topo da lista de muita gente. A sensação de perda ao visualizar a possibilidade de arrependimento futuro ao se dar conta de que a oportunidade não escolhida era a melhor tem um poder fantástico. Desde criança aprendemos que, se temos que decidir, devemos fazer a escolha certa e desenvolvemos um medo exagerado das conseqüências de uma decisão mal feita.

A questão é que não existe truque algum para evitar fazer escolhas erradas. A mudança que precisamos efetuar em nós mesmos é aprender a lidar com nossos erros pessoais de forma proativa. Isso começa com a postura com que tomamos decisões. Honestidade, sinceridade e excelência pessoal parecem ser “o trio mágico” para fazer escolhas com integridade. Uma decisão tomada com base nesses princípios pessoais evita arrependimentos futuros pelo simples fato de que você terá, no futuro, consciência de que tomou a decisão com a maior honestidade possível, dentro do que você sabia ser correto e melhor. Você está dando o melhor de si, buscando algo que sinceramente acreditava ser a decisão mais acertada. Se no desenrolar do futuro as circunstâncias mostrarem que você estava errado, o peso em sua consciência é menor e você tem mais condições de lidar com a sensação de perda com mais pró-atividade.

Print Friendly, PDF & Email
Compartilhe!
Cadastre-se gratuitamente no Guia da Vida e tenha acesso a nosso melhor material sobre desenvolvimento pessoal, produtividade, saúde mental e motivação:


35 comentários em “Como aproveitar melhor as oportunidades?”

  1. Poxa Fran! É muito bom ler seus artigos! Cada vez eu aprendo alguma coisa nova, eu tenho um insight sobre algo que estou fazendo errado e que está empacando a minha vida. É muito interessante esses mitos que a gente acredita com tanta veemência só porque “todo mundo acredita”, mas no momento que a gente para pra pensar e refletir, tudo cai por terra e a gente se dá conta de quão bobos eles são. Já tive vários desses momentos aos ler seus artigos e posso te dizer que ao longo desses anos que venho seguindo seu trabalho já melhorei muito minha atitude pessoal e conquistei muitos resultados positivos em minha vida em razão dessas mundanças. obrigado de coração por tudo!

    Andressa Marques

    Responder
    • Andressa, você tirou as palavras da minha boca! Toda vez que leio um artigo da Fran, aqui ou no site Sonhos Estratégicos, tenho um daqueles momentos de “revelação” em que uma ficha cai na minha cabeça e eu finalmente entendo coisas que deveriam ser óbvias, mas nossa sociedade tão “robotizada” não nos deixa perceber.

      Ricardo

      Responder
  2. Muito bom esse artigo. Já te acompanho há muitos anos Fran. Vi uma palestra sua uma vez em que você abordou esses assuntos de uma forma ainda mais profunda, entrando na questão da espiritualidade. O que eu achei interessante é que você abordou esse assunto sem religiosidade, de uma forma bem madura e racional.

    Tem muita pouca gente que fala de espiritualidade sem envolver religião, eu queria que você tocasse mais nesse assunto. Acho que tem muita gente aqui que gostaria de obter seus insights mais profundos saindo da superficialidade do que a gente já vê em auto-ajuda convencional e entrando nos pontos que realmente nos ajudam a mudar mesmo.

    Responder
    • Olá Amanda!

      Tenho planos para montar um site especificamente para compartilhar meus pensamentos sobre espiritualidade. Acredito que ainda esse ano eu já comece a me dedicar a esse projeto.

      Grande abraço,

      Fran Christy

      Responder
  3. Fran, acho você o máximo, é bom ler o que você escreve. um dia irei ouvir o que você diz.

    Seus artigos são todos importantes e venho seguindo sempre, na teoria. Tenho procurado me corrigir do que eu chamo de defeitos master para mim: Procrastinação, e consequentemente a irresponsabilidade. Tenho outros, mas estes são os piores. Tenho lido tanto mas te confesso que é difícil, se você puder me ajudar eu te agradeço.

    Responder
  4. Artigo riquíssimo, pois o que mais o joveem faz é perder as oportunidades que lhes aparecem. e é antigo o ditado ligado a oportunidade que diz: a oportunidade é careca depois que passa não tem cab elo para ser puxado. parabéns Cris, aproveitarei muito bem sua opiniões no artigo sobre oportunidade.

    Responder
  5. Congratulations ! Fran.

    Muito bom, mas preciso conciliar a vida pessoal com a profissional e ser produtivo nas duas simultâneamente.

    Me de dicas que possa ser usadas nas duas questões, e muito obrigado por você existir e estimular o verdadeiro sentido da vida dentro de cada um de nós!

    Responder
  6. Querida Fran,

    Estava com muitas saudades de seus maravilhosos artigos. Voce faz com as palavras o que as bailarinas fazem com os pés.Puro prazer em ler voce.
    Sou psicóloga e tenho usado seus artigos para trabalhar com meus grupos.A forma clara,concisa e objetiva que voce coloca suas consideraçoes são perfeitamente apreendidas e elogiadas por minhas pacientes e eu continuamente estou aprendendo com voce.
    Tenho 64 anos e sou de uma geração de mulheres que nunca ouviu falar em oportunidade. Nossa única “oportunidade” era encontrar um “bom” marido.Era só isso que nos era ensinado e oferecido.Pouco, quase nada em comparação com a as opções que são oferecidas às mulheres atualmente.

    Seu artigo é extremamente importante , pois a oportunidade ideal, o homem ideal etc, infelizmente ainda é censo comum.

    Muito obrigada por seus ensinamentos.

    Heloisa

    Responder
    • Também acho o mesmo pois venho de uma família humilde, e que quebrar o tabu de encontrar um marido ideal”como oportunidade” de realização tem me custado caro. Mais procuro aproveitar todas as oportunidade que tem chegado até minha pessoa, as vezes no final não era exatamente o que eu esperava, mais o desafio esse sim tem me fortalecido.

      Responder
  7. Oi Fran,estou gostando muito dos teus livros,tem me ajudado muito.Estou passando por uma fase difícil,com varios problemas na área profissional o que infelizmente afeta a emocional.Mas estou sempre atenta as oportunidades e sou sincera em dizer ,que estou dependendo de uma boa oportunidade para reverter minha situação ,inclusive na área financeira.Mas bão oportunidade de novo trabalho mas sim de concertar os erros na área em que estou atuando ,que é um bom seguimento ,basta apenas acertar os pontos falhos.As vezes conto com a ajuda de um grande amigo,mas não podemos estar sempre incomodando os outros ,preciso me virar sozinha ,por isso esta sendo muito importante para mim ,seguir suas idéias e experiências.Obrigada pela ajuda.Abç.

    Responder
  8. Olá Fran, bom dia!
    Sou muito grato pelas suas contribuições nestes artigos. Falta-me tempo (eu chego lá!! Estou trabalhando nisso), para ler todo o seu conteúdo.
    Este, especialmente, traz contribuições interessantes e percebe-se que OPORTUNIDADE quase sempre, nasce devido a FOCO, DETERMINAÇÃO, PERSISTÊNCIA e evidentemente, levando a cabo a IDÉIA, digo, SONHO.
    Um fator importante e perceptível no seu artigo é que deve-se tomar uma decisão e escolher o que se quer, e dentro do escopo HONESTIDADE, SINCERIDADE e EXCELEÊNCIA PESSOAL, a escolha não terá sido errada em sua excência, mas se não acontecer como se queria inicialmente, pode ser redirecionada aproveitando o ensino anterior, aproveitando e implementando o objetivo seguinte.
    Sucesso!
    Abs
    JDias

    Responder
  9. Olá, Fran! Confesso que quando descobri seus artigos há alguns anos, ficava chocada com o que lia, pois parecia que você estava falando sobre mim… Eu me sentia triste, achando que nunca iria mudar. Saiba que muita coisa mudou quando aprendi a enfrentar os medos, os desafios, quando aprendi a enxergar os meus pontos fracos e fortalecer meus pontos fortes. Hoje, mais uma vez, me choquei comigo mesma… quanta oportunidade deixei pasar por pensar que viria uma melhor, ou talvez por não confiar em mim mesma. Vivendo e aprendendo, colocando em prática suas reflexões. Abraços e continue com esse trabalho excelente.

    Responder
  10. Fran,

    Agradeço muito por seus artigos, são sinceramente revelações de muita sabedoria que ficam embaladas e as vezes mal embaladas por crendices, mitos e até por medo.

    Este em especial mostra meios práticos e decisivos (o trio mágico como disse) para tomar uma escolha ou decisão e mais ainda ajuda a não ter medo se a escolha não der o resultado que imaginamos, pois sabemos que foi a decisão mais acertada (com base no trio-mágico, rs) na momento que tivemos que decidir.

    Parabéns, sou teu fã há anos, leio seus artigos e seus livros.

    Everlei

    Responder
  11. olá Fran
    muito bom mesmo seu artigo,
    todos que li sempre me ensinaram algo.
    gostaria de ler algo mais sobre decisão,
    tenho muita dificuldade em tomar decisão
    e muitas vezes depois que tomei vejo que fui influenciada por terceiros
    o que fazer?
    gostaria de não me deixar influenciar tanto
    pelas pessoas que estão a minha volta
    será que devo fazer terapia?
    voce tem algo que podeia me ajudar nisto?
    grnde abraço

    Responder
    • Prezado(a),

      Compartilho o MESMO sentimento, tenho sérios problemas para tomar decisões e quase sempre sou influenciada, sem contar na horrível sensação de arrependimento posterior!!!
      Também gostaria muito de saber o que fazer.

      Abraço,

      Responder
  12. Fran,

    Parabéns, seus artigos são ótimos, vai direto ao ponto bastante objetivos. Adoro ler e aproveito pra replicar aos meus amigos sobre o que eu li.

    abraços

    Responder
  13. Maravilhoso seu artigo… encaixou perfeitamente no que anda acontecendo comigo, duvidas e medo de criar oprotunidades e errar…pois minha vida depende de mim…medo de passar por momentos ruins novamente.O medo é o meu maoir problema.
    Fico grata por receber seus artigos.

    Responder
  14. Olá Fran
    Seus artigos são muitos legais.
    tenho um problema de tomada de decisão, levo muito tempo
    para decidir e quando começo não termino.

    Um grande abraço

    abraim

    Responder
  15. Olá Fran!
    realmente esse mitos atrapalham muito, lembro que em 2003 recebi uma proposta de trabalho para mudar de estado, embora eu tivesse o desejo de aceitar de imediato, o medo de não dar certo me paralizou por alguns dias, mais depois aceitei e tive experiências maravilhosas.

    Responder
  16. Olá Fran,
    é sempre muito ter acesso a informações como as que vc nos passa, estamos sempre querendo esclarecimentos de assuntos relacionados nossas atitudes, pensamentos, hoje falando em oportunidade, vc usa disso com tanta simplicidade, parabéns, seus artigos são sempre bem vindos, são fontes de conhecimentos de grande valia para todos os lêem.

    Abraço,

    Responder
  17. Fran,
    Não consegui conter as lagrimas.
    Tudo o que o que está escrito nesse artigo diz respeito a mim entrei numa inércia profundo esperando uma próxima oportunidade.
    Chegou a hora de” soltar o cabo da nau e navegar com fé Jesus.
    Um abraço Fran.
    Que Deus continue a te abençoar,pois voce tem me abençoado muito com seus artigos.

    Responder
  18. Boa tarde Fran

    Seus artigos são demais.
    obrigada pela ajuda que você me proporciona.
    Nem tenho palavras para agradece-lhe.

    Um abraço que Deus continue a te iluninar hoje e sempre.
    Neuza

    Responder
  19. Fran, Vc é d +!

    Chego a pensar que escreves só pra EU.
    Suas palavras são ditas com peso real!
    Muito Obrigado!
    Não vou perder a oportunidade de ler sempre seus escritos!
    SUSSESSO!

    Responder
  20. Muitas vezes , estamos com tantas dúvidas do que desejamos , que sem percebermos , deixamos as oportunidades passarem e não atentamos , tanto no campo afetivo , profissional e de satisfação pessoal , a mente tem mil idéias e acabamos sem concretizar nada…é sempre bom,. estarmos nos reciclando para aringirmos nossos desejos, obrigado

    Responder
  21. Gosto de ler esse tipo de artigo, porque SEMPRE mostra algo novo. As pessoas tem a mania de pensar que sabem o que está acontecendo com elas, então, de repente veem algo novo, se surpreendem e chegam a conclusão de que o conhecimento é realmente infinito; Depois, passado um tempo caem no esqucimento, pensando que estão bem, então de repente veem algo novo, se surpreendem e…

    Responder
  22. Adorei, como sempre o artigo. São artigos que tratam de maneira objetiva e real os problemas que enfrentamos. Derrubam mitos. Somos criados com tantos ditos que não paramos para refletir sobre a verdade que se encontra por trás de cada ditado tomado como verdade. Parei para pensar e realmente senti aue vivi a vida inteira esperando o momento certo. Até agora sou assim. Agora posso notar as oportunidades que perdi. Nesse pensamento de esperar a oportunidade adeguada sinto que me acomodei e precisa haver luta para romper a situação.

    Responder
  23. Fran,como é bom ler seus artigos…como tem me ajudado! a minha vida tem, literalmente, sido mudada e transformada a cada artigo que leio…a clareza, a compree~ção acerca dos fatos tem surtido um efeito positivoem todas as áreas da minha vida….meus relacionamentos afetivos, familiar, profissional,meus sonhos…so tenho a agradecer e dizer que voce é uma benção! beijos

    Responder
  24. Fran, bom dia! O sol, a água e o ar nos servem. Quanta grandiosidade há no servir, pois servir é ser útil. Fran, através dos teus escritos és útil para tantos! Quão grandiosa é a alma que ao passar pela terra transpira altruismo! Obrigado e parabéns!

    Responder
  25. oi Fran tb vou ficar anciosa aguardando este site sobre espiritualidade adoroo ler sobre este assunto tambem.
    E sobre o texto me identifiquei pelo fato de ser muito indecisa principalmente em assuntos que envolvem dinheiro…o medo de fazer a escolha errada…quero muito mudar esse meu jeito.
    Em partes confesso, pois sou ponderada e nao vou sair por ai arriscando tudo mais quero ser mais corajosa e arriscar mais

    Responder
  26. Fran, estou gostando muito de seus artigos. Trabalho há 7 anos em uma grande empresa, não necessariamente na área em que eu gostaria , mas foi a oportunidade que apareceu na época e resolvi aproveitar (concurso público). Consegui através dessa oportunidade adquirir algumas coisas que queria, ter uma certa independência financeira e financiar uma faculdade, e agora digamos que tenho certo “medo” e aproveitar as oportunidades de função gratificada que aparecem nessa empresa por sentir sempre que não estou “na minha área”. Tenho medo de assumir algo que não dê conta, mas não sei realmente porque sempre vejo as coisas muito maiores do que realmente são… Comecei a terapia esse mês, mais comportamental, e ler os seus textos vêm me ajudando nos meus insights. Obrigada por dividir seu ponto de vista e experiências conosco, sucesso!

    Responder

Deixe um comentário